Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

ERP para indústrias x ERP comum: Diferenças que você precisa entender

18 de maio de 2018
ERP
ERP para Indústrias

Faturamento, compras, fluxo de caixa, apuração de impostos, produtos de estoque, engenharia, planejamento e programação da produção, controle de produção, financeiro, controle dos maquinários, dados sobre clientes, fornecedores, além de todo o trabalho administrativo e operacional típicos de uma indústria… impossível controlar tantas informações em planilhas ou sistemas simples e genéricos! Entenda como um ERP para indústrias pode te ajudar com um fluxo de informações integrado e consistente!

Primeiro, porque contratar um ERP?

Apostamos que você busca evitar retrabalhos, poupar tempo e energia, com informações lançadas no ambiente digital e disponíveis em tempo real para as suas análises gerenciais, acertamos? Contar com um sistema de gestão é um dos primeiros passos para uma gestão com foco em resultados, possibilitando maior agilidade para os processos internos e na obtenção de informações.

Além disso, um ERP traz praticidade para a administração de altos níveis de informação, prevenindo os riscos por erros humanos e te ajudando a adaptar a sua indústria ao mercado e à legislação. Um suporte fundamental para auxiliar a tomada de decisão e elaboração de estratégias!

Agora, porque um ERP para indústrias? Faz diferença?

Simples: Um sistema de gestão personalizado para os desafios e as particularidades do seu segmento é capaz de oferecer soluções especializadas, também direcionadas para as suas necessidades. Afinal, os principais processos de um comércio são bem diferentes dos processos industriais, inclusive as informações que são base para as decisões estratégicas, concorda?

Um software generalista pode atender as necessidades da sua empresa de forma macro, com uma visão panorâmica e sistêmica dos números e dados dos seus processos, já que são desenvolvidos para atender qualquer tipo de negócio, sem aprofundamento no “core business” da sua indústria. Enquanto isso, um ERP para indústrias é mais robusto e mais aderente aos processos da sua manufatura, permitindo análises mais profundas e atendendo aos níveis de fiscalização, controle e exigência necessários.

A partir de uma implantação integrada e próxima, com treinamentos, consultorias especializadas, e reuniões presenciais, esse tipo de sistema apresenta um alto índice de aderência e permite análises e previsões detalhadas, a curto, médio e longo prazo.

Quer saber mais sobre as vantagens que um ERP para indústrias pode oferecer e entender melhor como funciona o processo de implementação? Converse com um de nossos consultores e tire suas dúvidas!

Comentários

Tags Relacionadas erpERP para indústriassistema de gestão
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se