Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

Como otimizar a gestão fiscal de uma indústria?

16 de abril de 2020
ERP
Como otimizar a gestão fiscal de uma indústria?

A gestão fiscal lida com um conjunto de obrigações tributárias em constante atualização, demandando que as empresas se adaptem às novas regras e exigências que surgem nas entrelinhas das revisões legislativas em uma frequência praticamente trimestral.

Além disso, a dor de cabeça gerada pelas mudanças repentinas dos regimes tributários e o entendimento complicado das fontes de informação atrapalham o dia a dia dos gestores que precisam administrar todas as obrigações fiscais e legislativas da empresa.

Nesse contexto, a gestão fiscal vai muito além do simples lançamento de notas fiscais e apontamentos contábeis. A boa notícia é que a otimização desse setor da sua indústria pode ser muito mais eficiente por meio de um sistema de gestão integrado e capaz de emitir os documentos já nos layouts solicitados pelo governo nas suas últimas atualizações.

ERP como ferramenta de gestão fiscal

Para que o gestor possa administrar melhor seus recursos e processos, alcançando os resultados almejados, é fundamental que ele tenha acesso a todas as informações de que precisa com agilidade e praticidade.

Alguns dos aspectos que um ERP pode facilitar no dia a dia da gestão fiscal são:

Controle de materiais perigosos

Alguns pontos para garantir maior confiabilidade e qualidade em todas as entregas são responsabilidades fiscais com tramites extremamente facilitados por um sistema de gestão:

  • Realização de auditorias internas e externas;
  • Cálculos de incerteza conforme a RBC e o INMETRO;
  • Análise e homologação de fornecedores;
  • Certificados e laudos de inspeção;
  • Estudo avançado de não-conformidades.

Escrituração contábil fiscal (ECF)

Uma das obrigações acessórias que conecta as informações contábeis e fiscais relacionadas ao Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL).

O objetivo da escrituração é otimizar as informações enviadas ao Fisco, bem como tornar o processo de fiscalização por meio do cruzamento de dados digitais um processo mais eficiente.

Adequação à régua fiscal do SPED 2020

Aqui no Blog do ERP, trouxemos todas as atualizações do SPED para o ano de 2020. Vale lembrar que o ERP industrial da ABC71 é capaz de emitir os documentos já nos novos layouts solicitados pelo governo, a partir do registro de tributos, lançamentos e notas fiscais eletrônicas (NF-e) de forma automática.

Com um sistema ERP, todas as informações são automaticamente integradas em tempo real, e isso significa que você não precisa fazer a gestão de forma manual, o que pode se tornar um grande empecilho se você esquecer de dar continuidade em alguma atividade referente à gestão fiscal.

Além da redução do número de falhas humanas e da agilidade dos processos com informações precisas e instantâneas, não podemos esquecer de outro fator de extrema importância para a indústria: a segurança.

Se tudo o que a sua empresa usa para gerenciar os itens que listamos nesse artigo são planilhas, a possibilidade de corromper um arquivo ou perder o notebook, pen drive, etc., com todas as informações fiscais, é um risco muito grande e desnecessário.

A partir de um sistema ERP, as indústrias alcançam maior economia no controle dos processos de industrialização, uma vez que estes são automatizados pelo sistema.

O que fará a real diferença na forma como a sua indústria faz a gestão fiscal, será a implementação de um software que:

  • Integre os módulos de estoque, recebimentos, controle de produção e engenharia;
  • Permita o controle de insumos e matérias-primas, custos e lucros;
  • Esteja em conformidade com todas as exigências fiscais e contábeis.

Quer entender na prática como a ABC71 pode ajudar a sua indústria com a gestão fiscal e outras obrigações tributárias? Agende uma demonstração gratuita com um de nossos especialistas agora mesmo e tire suas dúvidas!

Comentários

Tags Relacionadas GestãoGestão de Indústriasgestão fiscal
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se