Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

5 Problemas na sua linha de produção que um ERP pode resolver

3 de julho de 2019
ERP
5 Problemas na sua linha de produção que um ERP pode resolver

Os desafios para otimizar a produtividade e lucratividade na indústria não são poucos. Cumprir com os prazos, garantir a disponibilidade de recursos e equipamentos, bem como certificar a qualidade e conformidade de todos os produtos são dores de cabeça comuns no dia a dia de muitos gestores. Sua linha de produção também enfrenta esses problemas?

Um ERP (Planejamento de Recursos da Empresa) é capaz de contribuir com todo o planejamento, a programação e o controle da sua manufatura, prevenindo justamente esse tipo de falha e gap em seus processos. Para te ajudar a entender melhor como um ERP pode impulsionar sua linha de produção, nós separamos os 5 principais problemas enfrentados nas indústrias, e como o sistema pode solucioná-los na prática!

Linha de produção: Como um ERP pode otimizar seus resultados?

1. Falta de planejamento

Um software de gestão integra e automatiza todos os departamentos e processos da sua indústria, fornecendo as informações necessárias para tomadas de decisão e planejamentos mais assertivos. A partir de um banco de dados único, consistente e atualizado em tempo real, o ERP possibilita uma visão completa e aprofundada sobre a sua linha de produção, seus recursos, equipamentos e suas equipes.

Dessa forma, você garante maior precisão e praticidade ao sincronizar sua produção, estruturar o fluxo produtivo conforme os prazos de entrega, estabelecer e acompanhar metas e KPIs (Indicadores-chave de Desempenho) coerentes, definir os setups dos equipamentos e adequar a programação da sua equipe conforme à demanda, por exemplo.

2. Processos redundantes

A partir da integração e automação de seus processos, um ERP também te ajuda com o mapeamento e a identificação de atividades redundantes ou desnecessárias, falhas e gargalos em sua linha de produção.

Assim, esses recursos do sistema permitem maior organização, agilidade e controle de todas as suas tarefas, além da otimização do trabalho diário de seus profissionais, economia de tempo e custos, atendimento aos prazos e padronização de processos.

3. Falta de controle de estoque

Adequar a compra de materiais e recursos conforme a demanda, manter um estoque com alta disponibilidade e, ainda assim, sem desperdícios e prejuízos, com uma margem de segurança, não é nada simples. Na verdade, essa é uma das principais causas de perdas nas indústrias!

A falta de um controle de estoque apropriado ainda resulta em uma série de problemas, como o aumento dos custos com o armazenamento dos materiais, mais capital de giro empregado e maiores riscos de prejuízos com produtos fora da validade, obsoletos ou com qualidade comprometida. Para preveni-los, um ERP conta com um módulo inteiramente dedicado à gestão de estoque, com funcionalidades que agregam agilidade e assertividade para o controle de seus recursos diariamente.

Entre as principais configurações estão o Ponto de Ressuprimento e Lote Econômico, ou Revisão Periódica, controlando o histórico de movimentos efetivos, bem como projeções de vendas, compras e ordens de produção.

4. Atrasos nas entregas

Atrasos constantes nas entregas podem comprometer não só a satisfação de seus clientes, como a credibilidade da sua marca no mercado e toda a estruturação de seus processos e recursos. Afinal, com pedidos sempre fora do prazo, fica ainda mais difícil equilibrar seu estoque e a sua linha de produção, não é mesmo?

Com um ERP, esse controle se torna muito mais ágil e assertivo, adequando suas demandas e programações de acordo com a capacidade de produção da sua indústria e os seus recursos disponíveis em estoque.

Com o módulo de manufatura, é possível gerenciar seu Planejamento de Compras e Produção, além de todo o sequenciamento de suas atividades, por exemplo, assegurando o total atendimento aos prazos de seus clientes!

5. Falhas na qualidade

Outro requisito essencial para a satisfação de sua carteira e a competitividade da sua indústria é a qualidade de seus produtos. Isso envolve o controle e o armazenamento adequado de seus materiais, o estabelecimento de testes e medições, bem como a adequação de sua linha de produção conforme os certificados e as normas de qualidade pertinentes ao seu segmento.

Nesse quesito, um sistema de gestão para indústrias pode contribuir decisivamente com a excelência e a padronização de todas as suas entregas, contanto com módulos exclusivos de Metrologia e Inspeção de Qualidade. Entre principais as funcionalidades que otimizam esse processo estão auditorias internas e externas, adequação de produtos conforme as normas ISO e outras certificações, estudo avançado de não-conformidades com ferramenta de 8D, bem como laudos de inspeção, relatórios e gráficos.

Agora que você já entende como um ERP pode impulsionar a sua linha de produção e te ajudar a eliminar as perdas e prejuízos em sua indústria, o que acha de conhecer na prática todo o funcionamento desse sistema? A nossa equipe de especialistas está sempre pronta para entender suas necessidades e desenhar a melhor solução para o cenário da sua gestão. Agende uma demonstração gratuita do nosso sistema de gestão e confira na prática tudo o que um ERP pode oferecer!

Comentários

Tags Relacionadas erp
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se