Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

Mitos sobre Gestão Empresarial

14 de julho de 2016
Gestão
Mitos sobre Gestão Empresarial

A partir de conceitos baseados nos modelos tradicionais de gerenciamento, há muitas vezes o questionamento e até estabelecimento de algumas ideias equivocadas sobre modelos e estratégias para uma gestão empresarial eficiente. Pensando nisso, a ABC71, pioneira no desenvolvimento de software de gestão no Brasil, respondeu algumas informações para desmentir alguns mitos que acabaram tornando-se uma realidade na visão de muitos.

  • Há um padrão ideal para todos os negócios

Não existe nenhuma fórmula mágica, mas sim um toque especial de cada empresa, dependendo ainda de cada área e modelo de trabalho. O único segredo é saber adaptar-se, inovar e acompanhar o negócio de forma inteligente para o maior controle da gestão com um sistema ERP.

  • Qualquer otimização no gerenciamento implica em gastos

Primeiramente, é preciso entender que gasto não é o mesmo que investimento. As otimizações de alguns processos podem sim necessitar de algum capital, mas nem todos os passos para uma boa gestão estão relacionados a um gasto financeiro. As conquistas por meio de um sistema ERP como, integrar colaboradores, aprimorar o tempo das reuniões, além de buscar estratégias menos burocráticas, como a digitalização de documentos para o maior controle das informações e redução de papeladas, são aspectos importantes a serem trabalhados e não implicam em custo algum para a empresa.

  • Apenas grandes empresas necessitam de um sistema ERP

Soluções inteligentes não são exclusividade de nenhum formato de negócio. Novas tecnologias possibilitam essas ferramentas de maneira cada vez mais acessível.

  • Sistema ERP é muito complicado e acaba tomando mais tempo

Esta ideia é totalmente equivocada. O sistema ERP traz maior agilidade na execução de processos internos e na obtenção de dados, previnem erros, oferecem apoio na elaboração de estratégias operacionais, diminuem o tempo de entrega dos produtos ou serviços, facilitam na administração de grandes quantidades de informações e ainda auxiliam a empresa a adaptar-se ao mercado e legislação. Muito mais praticidade e menos tempo gasto que em processos de gerenciamento baseados em planilhas e tabelas.

  • Modelos de negócios colaborativos não dão certo

Uma nova tendência de gerenciamento, distante do formato tradicional e centralizador, traz uma proposta de inovação, a onde todos os colaboradores estão mais integrados em várias etapas dos processos. Há uma certa resistência de alguns gestores em acreditar e confiar neste modelo, no entanto, a gestão colaborativa vem apresentando maior praticidade e agilidade na resolução de problemas, além de mais proatividade, criatividade e autonomia por parte dos funcionários.

Comentários

Tags Relacionadas dicasGestão empresarialmitosnegóciosistema ERP
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se