Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

Implantação de um ERP Industrial: O que considerar?

19 de setembro de 2018
ERP, Mercado
ERP Industrial

Contar com estratégias e ferramentas digitais capazes de integrar as informações da sua gestão é, sem dúvida, essencial para fundamentar o crescimento e potencializar os resultados da sua indústria. No entanto, é preciso se atentar a determinados fatores na hora de escolher a solução ideal, buscando sistemas intuitivos e verdadeiramente alinhados às suas necessidades. Entenda melhor o que considerar na contratação e implantação de um ERP industrial!

Princípios para implantar um ERP industrial adequado aos seus processos

Apenas 15% das empresas que possuem um ERP consideram os sistemas totalmente aderentes aos processos internos, segundo aponta uma pesquisa realizada pelo Portal do ERP, em 2016. Esse dado nos mostra a importância de considerar uma solução eficiente, com um processo de contratação e implantação que considera as necessidades do seu segmento e da sua indústria.

Além de ajudar a eliminar retrabalhos, agilizar e automatizar as tarefas, bem como garantir a confiabilidade dos dados e das informações, cumprindo o papel de um sistema de gestão, o ERP Industrial é mais aderente aos processos desse setor, facilitando assim o benchmarking e a troca de experiências,  potencializando a produtividade e o ROI (retorno do investimento) da sua indústria, e otimizando suas estratégias e tomadas de decisão.

Para isso, os processos de mapeamento e customização do sistema conforme as particularidades da sua indústria são decisivos. O primeiro é passo é ter clareza sobre o cenário atual da sua indústria, incluindo suas dificuldades, metas e seus objetivos.

Mas não se preocupe com isso, pois uma das principais vantagens de um ERP industrial é o suporte especializado para a contratação e a implementação coerentes aos processos desse setor! Ao escolher um sistema com foco nas indústrias, você automaticamente conta com profissionais mais experientes, prontos para entender e atender cada uma das necessidades da sua gestão.

Após essa fase, o segundo passo é garantir o treinamento e o suporte eficientes para todos os usuários do sistema. Aliás, esse é um dos principais determinantes para o sucesso ou o fracasso da implantação do seu ERP industrial!

Dessa forma, é sempre importante contratar um fornecedor que possua uma equipe com expertise em processos industriais, não só no departamento de produção, mas em outras áreas, como comercial, financeiro, fiscal e contábil, para analisar os processos da sua indústria de forma aprofundada e integrada, interpretando as novas obrigações legais.

Um atendimento próximo e especializado, acompanhado de treinamentos, consultorias e reuniões presenciais, não só garante a aderência do sistema, como evita dores de cabeça e longos meses de adaptação.

Afinal, a ideia não é que sua equipe seja dependente do fornecedor do ERP, tendo que gastar mais com consultorias e suporte, mas sim que ela tenha as informações e o conhecimento necessários para executar os processos diários com máxima eficiência e aproveitamento dos recursos, certo?

Por falar nisso, a contratação de um ERP industrial não traz diferenciais apenas para a fase de implantação, mas em todas as etapas de aplicação do sistema na sua indústria, inclusive para a rotina dos processos e a evolução das funcionalidades!

O nosso eBook “Tudo o que um ERP especialista pode fazer pela sua Indústria” explica essas diferenças e vantagens na prática, com exemplos e cases de sucesso. Baixe gratuitamente e saiba mais!

[eBook]Tudo o que um ERP especialista pode fazer pela sua indústria

Comentários

Tags Relacionadas
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se