Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial. Cadastre-se

Análise de concorrência: qual a sua importância para a indústria?

4 de novembro de 2021
ERP

A análise de concorrência é uma das principais atividades que as empresas precisam realizar para se manterem competitivas no mercado. Afinal, será por meio dela que a empresa terá mais dados com relação ao seu segmento para saber qual a melhor estratégia para seguir e assim poder se destacar.

Além de avaliar a concorrência, uma organização de sucesso precisa também analisar seus fornecedores e o comportamento de seus clientes. 

Com o avanço da tecnologia, esses processos podem ser realizados de forma mais fácil . Através de sistemas e até mesmo da internet, as informações chegam cada vez mais rápido e se tornam uma das principais maneiras de traçar melhores estratégias para gerar melhores oportunidades de negócio. 

Diante disso, vamos destacar como a utilização de um sistema de gestão pode auxiliar na análise de concorrência e assim promover decisões mais estratégicas e assertivas. 

A importância de analisar a concorrência

Philip Kotler, conhecido como o pai do marketing e autor de grandes obras literárias sobre o assunto, afirmou em um de seus livros que o sucesso de uma organização não depende só das características dos seus negócios, mas também de superar os pontos fortes do concorrente.

Ao analisar os concorrentes, por exemplo, é possível descobrir novos modelos de negócio e, a depender da situação, passar a utilizá-los em sua linha de produção. Já em outros casos, isso pode promover a  inovação, fator relevante para a maioria dos consumidores na hora de suas escolhas ao olhar para empresas que investem em práticas mais modernas.

Outro grande motivo para analisar toda a concorrência é evitar que ocorra a monopolização de uma indústria, o que ocasionaria em barreiras para o surgimento de novas empresas, elevando os custos pois será somente essa organização que irá definir os preços sem olhar para outros concorrentes e pouca inovação tecnológica devido a “falta de necessidade” em crescer. 

Maior rotação no estoque, novos clientes, aumento da visão do negócio, atualização de mercado e o desenvolvimento do mercado são outras vantagens que a análise de concorrência proporciona. 

Como fazer a análise de concorrência?

Existem diversas formas de realizar a análise de concorrência. No entanto, o primeiro passo é definir quem de fato são os seus concorrentes, pois, dessa forma, o mapeamento será mais assertivo. Em seguida, será necessário identificar os pontos de melhoria de sua indústria, como tamanho, atendimento aos clientes e o nível dos produtos vendidos. 

Ouvir os clientes também deve ser uma prática recorrente. Dessa forma sua empresa identifica o que o público avalia na hora de fazer a compra e encontra as lacunas que os concorrentes não estão preenchendo na experiência de compra. 

Produtos vendidos, preços, o que é divulgado nas redes sociais, bem como as estratégias de marketing digital e na linha de produção são outros pontos que merecem atenção na hora analisar os concorrentes. 

Uma análise bem feita demanda tempo, mas certamente apresentará grandes resultados, principalmente se o gestor pensar a longo prazo. Além disso, periodicamente ela deve ser atualizada para saber se houve alguma alteração ou algo novo. 

Análise SWOT

Muitas empresas adotam uma metodologia de pesquisa conhecida como análise SWOT ou FOFA. Esse método é responsável por identificar as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças, sendo essa última fazendo referência direta aos concorrentes, sazonalidade, normas regulamentadoras e atualizações ambientais, sanitárias e trabalhistas.

Para a sua indústria, esse método de pesquisa irá auxiliar em estratégias cada vez mais assertivas, identificando todos os pontos de melhoria da indústria, bem como a possibilidade de fortalecimento no mercado e revisão de todos os processos produtivos. 

Como um ERP auxilia em uma vantagem competitiva?

Com a utilização de um ERP, será possível criar uma vantagem competitiva através da organização da produção e da gestão administrativa, financeira, fiscal e tributária da indústria. Dessa forma, sua indústria irá funcionar de maneira mais organizada e sistêmica, produzindo com mais eficácia que os concorrentes. 

Ao utilizar o sistema de gestão, todos os dados são centralizados em um único lugar, o que facilita uma comunicação entre todos os setores, auxiliando assim na tomada de decisões. O aumento da produtividade e a redução de custos são outros benefícios proporcionados.

Além disso, o sistema promove a redução de erros, o que é um diferencial competitivo e permite que a indústria tenha um posicionamento melhor, assegurando assim a permanência no mercado a longo prazo. Isso só ocorre devido a capacidade que o ERP tem de atender as necessidades de cada setor, como contabilidade, vendas, estoque, linha de produção e etc.

A ABC71 é pioneira em soluções para indústria brasileira e desenvolvedora de sistema ERP que auxiliará a sua indústria a ser mais competitiva no mercado. Entre em contato com os nossos consultores e entenda com mais detalhes como o nosso ERP pode favorecer o seu empreendimento. 

Comentários

Tags Relacionadas
Publicações relacionadas

Não perca nenhuma novidade! Receba nossos artigos e materiais e fique preparado para os desafios da gestão industrial.

Cadastre-se