QMC telecom adota ERP Omega da ABC71 e aprimora processos internos

QMC telecom adota ERP Omega da ABC71 e aprimora processos internos

Operações envolvendo custos, qualidade e recursos ganham mais visibilidade e gestão se torna mais eficiente e transparente

A QMC Telecom, multinacional independente que desde 2008 possui e opera infraestruturas de redes móveis de telecomunicações, com atividades no Brasil, Porto Rico e México (nesse último, sob o nome de Conex), comemora uma significativa melhora em seus processos e maior aderência em todas as suas operações, com a implantação do sistema de gestão empresarial da ABC71, o ERP Omega.

A empresa tinha objetivos bem definidos em relação aos benefícios que alcançariam com a implantação do ERP Omega, que levou menos de quatro meses para entrar em funcionamento. Dentre as metas, estava a redução no tempo de entrega do serviço ao cliente; o prazo de execução das atividades e a garantia de visibilidade dos processos, que envolvem custos, qualidade e recursos.

“Podemos listar uma dezena de vantagens adicionais, advindas com o sistema. Houve uma centralização de nosso banco de dados e conseguimos organizar todo o departamento financeiro, por exemplo. Além disso, o uso do sistema em toda a cadeia operacional da empresa permitiu um ganho de eficiência em todas as rotinas, além de maior precisão nas informações”, comenta o gerente de TI da QMC Telecom, Leonardo Marcondes Bumrad.

Nesse espaço de tempo, o executivo diz que a companhia vem expandindo sua atuação no mercado e que o software permitiu que esse desenvolvimento se concentrasse muito mais na área comercial do que na administrativa.

“Com o crescimento recente, o número de funcionários mais do que dobrou, entretanto a equipe responsável pelas rotinas administrativas e financeiras se manteve estável”, informa Bumrad. Ele explica que isso aconteceu porque houve, principalmente, a substituição de informações detalhadas em planilhas e relatórios no Excel, que demandava tempo e mais pessoal, pela aquisição do ERP Omega. “Mesmo assim, ainda é difícil dimensionar todo o impacto do ERP Omega na companhia, já que os ganhos com agilidade, precisão e melhorias são intangíveis”, assinala Bumrad. A parceria com a ABC71 permitiu ainda à QMC realizar internamente as operações das áreas fiscal e contábil, que eram terceirizadas.